Falta de manutenções das pontes e estradas vicinais deixa a comunidade do Pé da Serra do Angelim isoladas e Pároco Pe.Carlinhos faz trageto a pé para celebrar na comunidade.

Comunidades rurais de Esperantinópolis pedem socorro e a prefeitura não faz nada: situação na comunidade  de Pé da Serra do Angelim distante apenas 3km do centro da cidade dá uma amostra de como está o restante da zona rural de Esperantinópolis.

Já se foram mais de dois anos de gestão do Prefeito Aluisinho Carneiro, onde ele juntamente com sua comitiva garantia mudanças para o município de  Esperantinópolis.

Mais infelizmente o que podemos ver e ouvi são rastro de grande descaso com parte do município.

Recentemente por causa  das fortes chuvas estradas e pontes foram totalmente destruídas na comunidade de Pé da Serra do Angelim  a situação é de calamidade total pois atualmente é a comunidade mais atingida pelas fortes chuvas e o isolamento das estradas e pontes impede o acesso a hospitais e escolas.

Moradores entraram em contato com a redação do Blog Leila Alcântara e nos contaram das dificuldades vivenciadas pelos moradores e que estao totalmente isolados da sede.

Uma moradora que não quis se identificar nos relatou que  ontem por volta das 19h o Pároco de Esperantinópolis Padre Carlinhos foi a comunidade celebrar e que em alguns percursos teve que se deslocar a pé na escuridão correndo grandes riscos de acidentes em desvios e obstáculos no percurso entre a sede e a comunidade.

ABSURDO

Demonstrando sensibilidade e preocupação com a atual situação na comunidade, moradores cobram e esperam da prefeitura municipal  uma solução o mais breve possível.

– Esperamos que a prefeitura atenda as solicitações dessa comunidade tão sofrida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NOTICIA EM TEMPO REAL